Calazans é um MONSTRO ?

Calazans “MONSTROS DOS QUADRINHOS 2”. Marcos Freitas de Porto Alegre, Rio Grande do Sul, amigo e co-autor que desenhou roteiro meu nos anos 80, surpreendeu-me com um convite que foi uma honra: ter minha obra homenageada do especial MONSTROS DOS QUADRINHOS 2, cujo primeiro número foi uma homenagem póstuma ao talento do gênio e amigo Joacy Jamys de São Luiz do Maranhão. Graças ao empenho do quadrinhista e meu bom amigo paulistano Lafaiete Nascimento , que escaneou e tratou centenas de páginas de quadrinhos e ilustrações minhas,
em novembro de 2013 Marcos Freitas presenteou-me com um livrão de 225 páginas contendo uma extensa entrevista comigo conduzida com habilidade pelo próprio Marcos Freitas , também uma biografia minha escrita por Ivan Carlo Andrade de Oliveira (Gian Danton)
e capas e ilustrações, como capas dos Álbuns “ABSURDO” co-autoria minha com Paula Prata Vandenbrande, E as chamadas “GUERRAS CALAZANISTAS”: “Guerra das Idéias” 27 episódios históricos mostrando a dialética serial de ideias autoritárias e libertárias da mesopotâmia aos satélites passando por Roma, inquisição e diversos filósofos, com prefácio do amigo Edgard Guimarães, em QUINTA edição publicada pelo amigo Doutor Henrique Magalhães na Paraíba (editora Marca de Fantasia) ,
e a polêmica Ficção-científica submarina “Guerra dos Golfinhos” em SEGUNDA edição também pela Marca de Fantasia do Henrique
. Sem esquecer do álbum “Hora da Horta” sobre a colonização, cristãos –novos, degredados, piratas e os indios tamoios de Itanhaém e São Vicente com o início das hortaliças no Brasil.
Marcos também publicou capas de dois números do jornal-revista alternativa BARATA que editei em cooperativa do mimeógrafo a álcool ao off set iniciando em 31 de outubro de 1979 por cerca de mais 20 anos.
O lindo álbum apresenta uma seleção feita por Marcos Freitas de 54 das minhas 297 (duzentas e noventa e sete) histórias em quadrinhos catalogadas, e cinco delas aqui publicadas eram INÉDITAS, também trazendo outras conhecidas , tais como a série completa do POETA DOS PARADOXODS e TYLI –TYLI, HQs alquímicas, urbanas, de fadas e sereias, medievais do ciclo TREVATER BAL (que venho desenhando desde 1977) , políticas, e até as tiras ecológicas do jornal de Bertioga “TATUI” , recordo que uma renomada pesquisadora de quadrinhos certa feita afirmou que tenho mais de mil páginas publicadas, nunca contei e nem sei como ela chegou nesta estimativa, mas quadrinhos como GRITO PUNK episódio de “ “GUERRA DAS IDÉIAS” vi re-publicada em dúzias de zines punks, isto do que chegou às minhas mãos.
“Atomic Quadrinhos apresenta com muita satisfação a segunda edição do projeto MONSTROS dos Fanzines, estrelado por Flávio Calazans (...) um dos maiores talentos de todos os tempos e um gênio dos quadrinhos” diz Marcos Freitas na apresentação á página 6 deixando-me encabulado.
Quero deixar expresso meu agradecimento a todos meus amigos, namoradas, esposa e familiares que sempre me incentivaram e tornaram possível este conjunto de obra,
nem sei o que dizer, ainda estou namorando este lindo álbum, é diferente ver seu trabalho agrupado e editado carinhosamente pelos olhos de um amigo, obrigado Marcos, obrigado Henrique, Obrigado Lafaiete, obrigado amigos, são tantos que nem vou tentar enumerar com receito de cometer injustiça esquecendo alguém, minha gratidão comovido .
CALAZANS- From the cricket (Grilo) to the cockroach (Barata) : visual poetics in the brazilian comics (european BD + japanese manga and USA underground comix) . USA. International Journal of Comic Art, le University, Philadelphia US, v. 7, n.1, p. 321-399, 2005

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog